segunda-feira, 16 de novembro de 2009

ÚLTIMOS ACONTECIMENTOS

ÚLTIMOS ACONTECIMENTOS 

               11/11/09

              

Esta é mais uma edição de "ÚLTIMOS ACONTECIMENTOS", um resumo com notícias que julgamos importante ressaltar e comentar à luz das profecias bíblicas.

No mês de dezembro deste ano ocorrerá em Copenhague, Dinamarca, a Conferência sobre Mudança Climática das Nações Unidas. Dentro de alguns dias estaremos diante de um encontro dos principais governantes do mundo em torno de temas relacionados à preservação da natureza e do futuro da raça humana na Terra. Esse encontro poderá lançar as bases definitivas da Nova Ordem Global. Queremos aqui destacar um fato interessante surgido no dia 14/10/09. Naquele dia, o Minnesota Free Market Institute organizou um evento na Universidade Bethel, na cidade de St. Paul, Minnesota tendo como principal orador Lorde Christopher Monckton, que foi assessor para ciências da Primeira-Ministra britânica Margareth Thatcher. Lorde Monckton revelou naquele evento coisas realmente significativas sobre o que está sendo preparado para a Conferência de Copenhague. Gostaríamos de destacar algumas frases ditas por Monckton naquele dia:

 

"Na Conferência sobre Mudança Climática das Nações Unidas em 2009 em Copenhague, em dezembro próximo, daqui a algumas semanas, um tratado será assinado. Vosso presidente [Barack Obama] vai assiná-lo. A maioria dos países do terceiro mundo vai assiná-lo, pois acreditam que vão ganhar dinheiro com ele. A maior parte do regime esquerdista da União Européia vai carimbá-lo. Virtualmente não haverá ninguém que não o assinará.

Eu li esse tratado. E o que ele diz é que um governo mundial será criado. A palavra "governo" na verdade aparece como o primeiro de três objetivos da nova entidade. O segundo objetivo é a transferência de riqueza dos países ocidentais para os do terceiro mundo, para atender ao que é chamado discretamente de "dívida climática" - porque nós temos queimado CO2 e eles não; nós bagunçamos o clima e eles não. E o terceiro objetivo dessa nova entidade, desse governo, é aplicação"

 

Ficaremos alertas a tudo o que ocorrerá nessa conferência. O lorde Monckton, avisou aos americanos que, caso o presidente Obama assine a proposta principal da Conferência, os EEUU, assim como todos os países que assinarem, perderão as suas soberanias nacionais em prol de uma nova estruturação de poder mundial, tendo em vista a sobrevivência da raça humana em função das ameaças climáticas. Será simples coincidência que esse evento de Copenhague tenha sido marcado justamente nos mesmos dias da estréia mundial do filme 2012 e após alguns dias da celebração dos 20 anos da derrubada do muro de Berlim?

 

Por outro lado, o controle aumenta a todo momento e parece ser um caminho sem volta. Sistemas de identificação digitalizados já são empregados em muitos países, mantendo os principais dados biométricos da pessoa nos arquivos governamentais. O uso de sistemas de rastreamento e monitoramento também caminham rapidamente para um estágio tal em que será quase impossível viver sem ele. Há poucos dias, o presidente do Supremo Tribunal Federal brasileiro, Gilmar Mendes, defendeu o monitoramento eletrônico para presos em liberdade condicional através de pulseiras e tornozeleiras eletrônicas, nos mesmos moldes que estão sendo usados em outros países. Também no Brasil, o TSE começa a utilizar, já nas próximas eleições, urnas biométricas para algumas regiões eleitorais. Colocamos esses exemplos para ilustrar essa caminhada rápida rumo ao controle total da população. São passos dados rumo a esse controle, mesmo que, algumas vezes, não haja qualquer intenção em implantar a Nova Ordem Mundial.  É óbvio que nenhuma dessas tecnologias e aplicações delas é o sinal da besta, porém é importante que estejamos atentos a duas questões:

 

1. Há um claro processo, sem volta, envolvendo o uso de controle biométrico, eletrônico e via chip das pessoas em todo o mundo. A grande maioria dessas pessoas, paulatinamente, irá aceitando e aderindo a essas tecnologias, sem maiores restrições. Atualmente, tudo o que mexe com avanços e novidades tecnológicas seduz as pessoas.  

Por exemplo, as mesmas pessoas que estão dispostas a contar sua rotina diária e abrir as suas privacidades no twitter, utilizando um notebook ou um celular, poderão aceitar um chip em seus corpos que possibilite que esse e outros processos de comunicação sejam mais fáceis.

 

2. As tecnologias para instaurar o sinal da besta já existem, faltando apenas o cenário propício. Ou seja, essa caminhada rumo à implantação de tecnologias de controle e monitoramento pode ser acelerada radicalmente, fazendo com que processos que levariam anos para serem implantados, levem semanas ou dias...  

 




 

 GRIPE SUÍNA: UMA GRANDE MISTÉRIO

 

Algo muito estranho continua rondando tudo o que se refere à gripe suína e à vacina contra tal gripe. No dia 04/11/09, foi noticiado pela agência EFE que a campanha de vacinação contra a gripe suína na Turquia ganhou ares de disputa política. O primeiro ministro turco Tayyip Erdogan disse publicamente na televisão que não vai tomar a vacina. "Se a vacina é perigosa, o premiê tem que dizer isso à população. Se ele não vai se vacinar, por que o governo manda o povo se vacinar?", questionou Deniz Baykal, líder da oposição naquele país. Vamos permanecer atentos a essa questão. A forma como surgiu a gripe suína, toda a mídia que foi colocada encima dela e agora essa gigantesca onda de vacinação mundial nos fazem pensar e manter uma atitude de grande cautela, principalmente quando levamos em consideração o momento em que tudo isso está ocorrendo. Vamos continuar atentos a todos os desdobramentos dessa questão.

       

              NOTÍCIAS DO ORIENTE MÉDIO

Há uma crescente movimentação de alguns grupos do judaísmo em Israel no sentido de se preparar para a iminente chegada do "messias".  O Instituto do Templo, dirigido pelo rabino Yehuda Glick, cujo instituto começou inclusive a tecer as vestimentas dos sacerdotes, tais como elas eram nos tempos bíblicos. Esse rabino, junto com outros, crê que este é o momento de reivindicar fisicamente a jurisdição sobre o "Monte o Templo", para que o "messias" possa completar sua construção de acordo às mais antigas profecias bíblicas.      

Veja a notícia e perceba o quanto estamos próximos da concretização das profecias referentes ao fim:     

 

"Rabinos messiânicos instam judeus a visitarem "Monte do Templo" (EFE - 25/10/09)

 

"Um grupo de rabinos radicais que acreditam na iminente chegada do messias exortou hoje a todos os judeus do mundo a visitarem o "Monte do Templo" (Esplanada das Mesquitas), apesar da tensão que isso poderia provocar com o mundo muçulmano. "Há um fenômeno preocupante e é que cada vez que duas ou três pedras são lançadas (por árabes), os judeus são afastados do Monte do Templo. Os árabes aprenderam (a fórmula) e atuam em conseqüência", disse o rabino Yehuda Glick, diretor do Instituto do Templo e organizador da conferência.

Por "Monte do Templo" os judeus entendem o lugar onde existia há dois mil anos o bíblico santuário de Jerusalém e onde há séculos está a esplanada que abriga as mesquitas de Al-Aqsa - terceiro santuário mais sagrado do islã - e de Omar. As visitas judaicas a esse lugar desencadearam no passado sangrentas ondas de violência como a Intifada de Al-Aqsa, em 2000, e hoje mesmo cerca de vinte pessoas ficaram feridas em enfrentamentos entre policiais israelenses e palestinos que tinham sido convocados a "defender Al-Aqsa", em coincidência com a conferência dos rabinos. "Quando nós tenhamos a outros cem Yehuda Glick, a outras cem pessoas disposta a entregar sua alma (como os muçulmanos), o 'Monte do Templo' será nosso", declarou Yaakov Madan, um dos rabinos supostamente mais moderados do fórum e que se inclina por não fazer visitas ao recinto sagrado.

Há três décadas os judeus não costumavam subir à Esplanada das Mesquitas porque a corrente ultra-ortodoxa impunha que, ao fazê-lo, violavam a pureza do Sancta Sanctorum, ao que só tinha acesso o Sumo Sacerdote uma vez ao ano, no Dia do Perdão. No entanto, nos últimos anos ganhou força outra corrente de rabinos que militam no movimento religioso sionista e que acham que a era messiânica chegou. Glick, cujo instituto começou inclusive a tecer as vestimentas dos sacerdotes, assim como as de seus seguidores, acha que é o momento de reivindicar fisicamente a jurisdição sobre o "Monte o Templo", para que o messias possa completar sua construção de acordo às mais antigas profecias bíblicas. Do grupo fazem parte conhecidos líderes espirituais do movimento religioso sionista, que hoje se reuniram em conferência por ocasião do 843º aniversário da visita do filósofo sefardita Maimônides a esse lugar sagrado e que reivindicam que também devem ter acesso a ele. À conferência, realizada em Jerusalém, assistiram também pelo menos cinco deputados de partidos ultranacionalistas, um dos líderes mais radicais do governante Likud, Moshé Feiglin, e o tenente prefeito de Jerusalém, David Hadari. A conferência foi emitida ao vivo pela emissora do movimento sionista religioso Arutz Sheva"

 

Por outro lado, as conversas em torno do programa nuclear iraniano parecem estar definitivamente emperradas. Temos comentando aqui que seria prudente de nossa parte considerar 2 cenários possíveis para o dilema iraniano: um grande conflito na região, envolvendo Israel, EEUU, Irã e alguns países árabes, ou um grande acordo de paz na região. Ambas essas alternativas trarão desdobramentos proféticos naquela região. A profecia de Ezequiel 38 e 39 se cumprirá em breve. No dia 10/11/09, chegará ao Brasil o presidente israelense, Shimon Peres, para discutir, entre outros temas, o programa atômico do Irã. Esta será uma de suas mensagens na conversa privada que terá com o presidente Lula e também deverá marcar o discurso que fará no Congresso Nacional. Menos de duas semanas após a visita de Peres, será a vez do presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, ser recebido por Lula em Brasília... "Estou visitando o Brasil e não pretendo debater o tema Ahmadinejad. Espero que Lula seja um homem de valores", disse Peres em conversa com jornalistas brasileiros. "Sobre o presidente do Irã, todos sabem quem ele é. Ele prega a destruição de Israel, nega o Holocausto, fornece armas ao terror. É suficiente. Não quero impor nossas opiniões ao governo brasileiro." Ontem, dia 10/11/09, o chefe do estado-maior das Forças Armadas de Israel, Gabi Ashkenazi, disse que "Israel está preparando todas as opções e os tomadores de decisão terão que considerar quais caminhos seguir" para interromper o desenvolvimento nuclear do Irã...

Vamos permanecer atentos a essa importante questão, pois ela tem grande significado profético.

               A POSSIBILIDADE UFO

Em nosso artigo A GRANDE MENTIRA, publicado no ano de 2004, nós já apontávamos para uma possibilidade real de que argumentos relacionados à questão OVNIS e inteligências extraterrestres fossem usados dentro daquilo que a Palavra denomina de "operação do erro" (II Tessalonicenses 2:9-11). A Palavra é clara: Nos anos e meses que antecederão a volta gloriosa de nosso Senhor haverá uma onda de engano nunca antes vista no mundo. Não devemos estar desatentos a isso. O mesmo ser que enganou uma parte considerável dos anjos e que enganou Eva e Adão no Éden, estará influenciando diretamente o anticristo e o falso profeta para que estes enganem a população mundial (veja Apocalipse 13:1-18 e Mateus 24:23-27). Será algo de grande porte... Algo que seja suficientemente forte para ludibriar até mesmo aqueles mais céticos e descrentes. Algo que faça as pessoas não verem outra explicação, senão a explicação do falso profeta e do anticristo. Devemos vigiar a respeito disso e orar ao Senhor para que nos dê cada vez mais discernimento para enfrentar essa gigantesca onda de engano que se aproxima, a qual será permitida por Deus e abalará até mesmo àqueles que se denominam cristãos, mas não estão alicerçados na Palavra. É lamentável ver a grande parte de nossos irmãos apenas repetindo chavões "gospel", lutando para defender com unhas e dentes suas instituições, sendo guiados por líderes mal-intencionados ou desconhecedores do verdadeiro Evangelho e imersos em falsas promessas de paz e riqueza financeira neste atual sistema, enquanto o gigantesco clímax do engano se aproxima a cada dia. Se o que se prega na maior parte dos locais religiosos é uma busca por inserção social plena, sucesso material de acordo com estereótipos humanos e comodidade financeira, nos moldes dos padrões de "sucesso" deste mundo, o que ocorrerá quando surgirem forças mundiais enganadoras, as quais virão num primeiro momento com o intuito dissimulado de "melhorar" a vida de todos?

 

De 2004 para cá, eventos reveladores têm ocorrido. Como já comentamos em algumas edições de ÚLTIMOS ACONTECIMENTOS, vários países têm revelado ao público seus arquivos secretos sobre "experiências" com OVNIS. Inglaterra, França, Bélgica, Dinamarca, EUA, Canadá, Chile e Brasil são alguns dos países que têm liberado a totalidade ou parte de seus arquivos confidenciais sobre eventos e situações envolvendo supostos OVNIS. Nós cremos firmemente que há forças espirituais da maldade nos lugares celestiais capazes de enganar a população mundial através de seus conhecimentos e possibilidades. Entendemos que o "fenômeno dos OVNIS" está inserido nesse contexto. Cremos que há seres malignos com a capacidade de assumir formas visíveis e de interagir com este mundo material, ficando sujeitos à permissão de Deus. A medida em que se aproximar o fim e chegar o dia da gloriosa volta do Senhor, essas manifestações aumentarão e abalarão o mundo. No livro de Apocalipse há uma clara descrição de um exército de seres malignos na forma de gafanhotos que subirão do abismo e atormentarão por 5 meses os seres humanos durante a tribulação (Apocalipse 9:1-11). O líder desse exército maligno é chamado de Abadon.

Não nos parece uma mera coincidência que justamente neste tempo, de uns cinco anos para cá, tantos países tenham decidido abrir os seus arquivos sobre experiências com OVNIS. O que antes era negado, ocultado, desconversado, agora é exposto para quem quiser ver e pesquisar... Cremos que está em andamento um condicionamento global para que as pessoas creiam cada vez mais na possibilidade da existência de inteligências extraterrestres. É como se fosse criado um suspense cada vez mais profundo, até que ocorra a grande revelação. Parece que estamos diante de uma grande peça teatral visando enganar a população mundial. O Senhor Jesus alertou aos Seus discípulos a não serem enganados por supostas aparições messiânicas:


"Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver. E, se aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias. Então, se alguém vos disser: Eis que o Cristo está aqui, ou ali, não lhe deis crédito; Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos. Eis que eu vo-lo tenho predito. Portanto, se vos disserem: Eis que ele está no deserto, não saiais. Eis que ele está no interior da casa; não acrediteis. Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem" (Mateus 24:21-27)

 

Vemos que há um alerta do Senhor referente ao Seu sinal particular, que será visto por todos, quando Ele estiver na iminência de voltar (Mateus 24:27-30). É como se o Mestre nos alertasse contra outros sinais que poderão aparecer nos céus.

Por todas essas razões, não seria nenhuma surpresa para nós, dentro do cenário profético revelado na Palavra de Deus, que daqui a alguns meses ou anos seja finalmente revelado ao mundo por algum governante ou autoridade de grande credibilidade, que as "inteligências extraterrenas" de fato existem e estão prestes a fazer contato com os humanos ou a revelar-se publicamente a nós. Se esse anúncio realmente ocorrer, não devemos ficar surpresos. Nos últimos dias têm surgido algumas informações sobre um hipotético discurso que seria feito pelo presidente americano, Barack Obama, no final deste ano, logo após receber oficialmente o Prêmio Nobel da Paz. Essas informações apontam para um provável discurso que Obama faria reconhecendo a existência de vida e inteligência extraterrestre. Não sabemos se essa informação é verdadeira ou não. Porém, caso ela ocorra, não deve surpreender-nos nem abalar a nossa fé, pois sabemos que o grande engano se aproxima. Vamos permanecer atentos!

 

                UNIÃO EUROPÉIA TERÁ PRESIDENTE EM BREVE!

 

Há 30 anos, parecia muito improvável que a Europa estivesse unida, com uma moeda comum. Há 30 anos, sequer a Alemanha estava unida! Porém, aquilo que parecia improvável, num curto espaço de tempo, se realizou e de lá pra cá muitos eventos tem ocorrido na Europa com uma grande rapidez. No começo de novembro, foi dado mais um passo decisivo para que a União Européia seja um dos principais atores, senão o principal, da Nova Ordem Mundial e do sistema que dará sustentação à besta. No dia 03/11/09 foi aprovada, após longos meses de negociação, a reforma da União Européia. Com a assinatura do presidente tcheco,  Vaclav Klaus, ficou superado o último obstáculo para a entrada em vigor do tratado, já que a República Tcheca era o único país entre os 27 membros da União Europeia (UE) que ainda não tinha aprovado o texto. Qual a importância desse tratado? Bom, ele pretende facilitar a tomada de decisões com adoção do voto por maioria qualificada (em vez de unanimidade) e cria o cargo de presidente da UE, eleito por cinco anos para chefiar os conselhos europeus e representar o bloco no exterior. Analise a notícia:

 

"Presidente tcheco assina Tratado de Lisboa e desbloqueia reforma da UE" (FOLHA ONLINE – 03/11/09)

 

"O presidente tcheco, Vaclav Klaus, anunciou nesta terça-feira em Praga que assinou o Tratado de Lisboa, o documento que propõe a reforma da União Europeia (UE), encerrando assim o longo processo de aprovação do texto pelos 27 países do bloco.

Com a ratificação do "eurocético" Klaus, fica superado o último obstáculo para a entrada em vigor do tratado, já que a República Tcheca era o único país entre os 27 membros da União Europeia (UE) que ainda não tinha aprovado o texto. O tratado pretende facilitar a tomada de decisões com adoção do voto por maioria qualificada (em vez de unanimidade) e cria o cargo de presidente da UE, eleito por cinco anos para chefiar os conselhos europeus e representar o bloco no exterior. Horas antes, o Tribunal Constitucional tcheco afirmou que o Tratado era conforme à lei fundamental do país, destravando o último obstáculo legal à aprovação.

"Anuncio que assinei o Tratado de Lisboa hoje, às 15 h [12h no horário de Brasília]. Contava com esta decisão da Corte Constitucional e a respeito, apesar de desaprová-la fundamentalmente. Com a entrada em vigor do Tratado de Lisboa, a República Tcheca deixa de ser um Estado soberano", afirmou Klaus, lamentando que o Tribunal Constitucional não tenha sido "neutro, mas parcial", ao considerar que o documento está de acordo com a Carta Magna. Para Klaus, "o veredicto não é uma análise neutra, mas uma apologia política ao Tratado de Lisboa".

Klaus era o único dirigente dos 27 países da UE que ainda não havia assinado o Tratado, cujo objetivo é melhorar o funcionamento das instituições do bloco. Eurocético, ele questiona o tratado como uma tentativa de criar um super-Estado europeu que, segundo ele, vai roubar a soberania das nações. Mas a Corte Constitucional da República Tcheca validou nesta terça-feira o Tratado, condição necessária para a ratificação completa do texto e a eleição do futuro presidente da UE"

 

Cremos que você já pôde perceber as entrelinhas dessa notícia. Note os temores do presidente tcheco de  "a República Tcheca deixe de ser um Estado soberano" com a aprovação do Tratado de Lisboa, que institui a criação do cargo de Presidente da União Européia... Vemos que estão sendo criadas todas as condições para que um líder assuma o poder na União Européia. Quem será esse presidente? No final do mês de outubro, jornal britânico "The Guardian" noticiou que o premiê britânico, Gordon Brown, encarregou dois de seus principais conselheiros de organizar uma campanha pela candidatura do seu antecessor, Tony Blair, para a Presidência da União Europeia (UE).

 

O grande empecilho para que Blair possa assumir o cargo de presidente é que alguns deputados da União Européia sustentam que o futuro presidente deve proceder de um Estado membro que tenha adotado ou esteja determinado a adotar a moeda única europeia --o euro. A Inglaterra ainda não adotou o euro. Vamos permanecer atentos. Cremos que essa notícia envolvendo a instituição do cargo de presidente da União Européia tem um alto significado profético e estaremos atentos a todos os desdobramentos envolvendo essa questão.

 

Sem dúvidas, a figura do ex-primeiro ministro inglês, Tony Blair, é bastante enigmática. Apesar da imagem de "coadjuvante" de George Bush em suas ações militares contra o Iraque e o Afeganistão, Blair tem dito e feito algumas coisas que nos chamam a atenção. Tony Blair é um ex-anglicano que em dezembro de 2007 anunciou a sua conversão ao catolicismo. Em abril do ano seguinte, numa conferência na Catedral de Westminster, Blair já tinha dado destaque à religião no atual mundo globalizado, afirmando que a religião poderia "despertar a consciência do mundo" e ajudar a atingir os Objetivos do Milênio propostos pela ONU contra a pobreza e a fome. No começo de 2009, ele escreveu na revista semanal britânica "New Statesman": "Os dirigentes políticos, quer tenham fé ou não, têm de ter em conta Deus se desejarem comprometer-se de forma adequada com o moderno".

 

O interessante é que, enquanto chefiava o governo inglês, Blair evitava falar das suas convicções religiosas. Logo após deixar o governo, deixou a Igreja Anglicana e converteu-se ao catolicismo. Em 2008 começou a lecionar a matéria "Fé e Globalização" na universidade norte-americana de Yale. "A fé religiosa e a forma como se desenvolve poderão ter para o século XXI o mesmo significado que a ideologia política teve para o século XX", escreveu. "Não compreender o poder da religião significa não compreender o mundo moderno", acrescentou. No começo de 2009 ele chegou a declarar para o presidente americano, Barack Obama, que "a fé deve ser restaurada no seu devido lugar, como guia do nosso mundo e do seu futuro". Na ocasião, ele disse que "ao atuarmos, façamos a obra de Deus e sigamos a Sua vontade". O jornal britânico The Independent, na época, mencionou que Blair tinha proferido autêntica "homilia" de Blair sobre fé e religião, que teria caído muito bem numa cidade onde os políticos são muitas vezes vistos em serviços religiosos matinais...

 

Vamos ficar atentos. O expressado por Tony Blair, após a sua saída do governo inglês, busca aliar princípios políticos e religiosos em prol de um mundo melhor... Os próximos passos dados dentro da União Européia serão decisivos e nós estaremos atentos a esses desdobramentos.

              Maranata,

              Jesiel Rodrigues

http://www.projetoomega.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gentileza não escrever em LETRA MAIÚSCULA. Por favor, respeite. Palavrões, ofensas e coisas do gênero não serão aceitos. Muito obrigado. Deus o abençoe.