terça-feira, 26 de outubro de 2010

PENSAMENTO TRANSFORMADOR: UM NOVO PARADIGMA

Por Paul Taylor – Trad. Ruth Jonhson 

Números 20:2-13 

2 Não havia água para a comunidade, e o povo se juntou contra Moisés e contra Arão. 

3 Discutiram com Moisés e disseram: "Quem dera tivéssemos morrido quando os nossos irmãos caíram mortos perante o SENHOR! 

4 Por que vocês trouxeram a assembléia do SENHOR a este deserto, para que nós e os nossos rebanhos morrêssemos aqui? 

5 Por que vocês nos tiraram do Egito e nos trouxeram para este lugar terrível? Aqui não há cereal, nem figos, nem uvas, nem romãs, nem água para beber!" 

6 Moisés e Arão saíram de diante da assembléia para a entrada da Tenda do Encontro e se prostraram, rosto em terra, e a glória do SENHOR lhes apareceu. 

7 E o SENHOR disse a Moisés: 

8 "Pegue a vara, e com o seu irmão Arão reúna a comunidade e diante desta fale àquela rocha, e ela verterá água. Vocês tirarão água da rocha para a comunidade e os rebanhos beberem". 

9 Então Moisés pegou a vara que estava diante do SENHOR, como este lhe havia ordenado. 

10 Moisés e Arão reuniram a assembléia em frente da rocha, e Moisés disse: "Escutem, rebeldes, será que teremos que tirar água desta rocha para lhes dar?" 

11 Então Moisés ergueu o braço e bateu na rocha duas vezes com a vara. Jorrou água, e a comunidade e os rebanhos beberam. 

12 O SENHOR, porém, disse a Moisés e a Arão: "Como vocês não confiaram em mim para honrar minha santidade à vista dos israelitas, vocês não conduzirão esta comunidade para a terra que lhes dou". 

13 Essas foram as águas de Meribá, onde os israelitas discutiram com o SENHOR e onde ele manifestou sua santidade entre eles. 

Um Novo Modo de Pensar 

Não tenho dúvidas de que o Senhor está e continua a sacudir a Igreja, o Corpo de crentes, os filhos de Deus, para conduzí-los para fora da antiga maneira de pensar (muitas vezes chamada de idéia fixa) em direção a um novo paradigma (um novo modo de pensar).   

Paradigma quer dizer uma série de suposições, conceitos, valores e práticas que constituem um modo de ver a realidade para a comunidade que compartilha dessas idéias, especialmente no que diz respeito à disciplina intelectual.  
Chamamos isto de "pensamentos do Reino" ou ter uma mente renovada cuja função é tornar-se apta a entender o plano de Deus na terra.  

Por muito tempo temos operado no que alguns chamam de "Evangelho de Dois Capítulos": "a queda e a redenção", também chamado de "o evangelho da salvação". 
Na realidade deveríamos estar vivendo e proclamando "o Evangelho de Quatro Capítulos": criação, queda, redenção e restauração. 
Este é o Evangelho do Reino.
O Evangelho apresentado pelos quatro Evangelhos: Segundo Mateus, Marcos, Lucas e João.  
Falando na linguagem comum de cada dia, poderíamos colocar assim: O que devemos ser, o que é, o que podemos ser e o que será! Este é o código secreto de toda a realidade humana.          
Muitas vezes paramos no capítulo "o que é e a queda" deste evangelho, quando deveríamos estar no capítulo "o que será" ou o reino de possibilidades.  

Gostaria de usar o capítulo 20 de Números como um exemplo para ensinar sobre a transformação do pensamento. 

A Transformação do Pensamento 

Este capítulo 20 de Números mostra um quadro da humanidade, embora Deus tenha nos dado todas as promessas, através de Jesus Cristo, nosso Senhor.  
Gostaria de escrever primeiro e discutir o que as palavras "devemos" ou "criação" querem dizer hoje em dia? Em outras palavras, somos ensinados a orar: "Venha o Teu Reino, seja feita a Tua vontade assim na terra como no céu"...
Que lhe parece?  
É óbvio que Israel não sabia de que jeito era a Terra Prometida, nem o que tinha de fazer para chegar lá.      Quero relembrá-lo de que a Terra Prometida não é o céu, mas a plenitude das promessas de Deus aqui na terra.  
Se não sabemos pelo que estamos orando ou esperando, não podemos cair no mesmo modo de pensar daqueles israelitas que murmuravam e reclamavam?  
Não existem muitos crentes vivendo segundo o pensamento de que "Deus está à serviço deles"? Tudo o que temos de fazer é "ligar" para Ele e puf!, acontece? 

O Pensamento Antigo X Uma Nova Maneira de Pensar 
Essas pessoas (em Números 20) foram libertas da escravidão mas estavam querendo voltar para lá, em vez de enfrentar os desafios da vida enquanto livres e tomarem suas próprias decisões guiadas por Deus.  
Na verdade eles ainda estavam escravizados, porque falharam em entrar em um novo paradigma, uma maneira nova de pensar e viver.  Eles tinham esquecido como Moisés os havia trazido miraculosamente através do Mar Vermelho e ainda tirado água da rocha.  
Deus equipou Moisés com uma vara, usando-a para dividir o Mar Vermelho. Fez brotar água da rocha, mas para isso havia um padrão, certo? Você poderia culpar Moisés por bater na Rocha pela segunda vez? "E a Rocha que os seguia era Cristo..." Não é isso que nós estamos fazendo? Continuamos a retornar para a Cruz, não em arrependimento, mas pedindo a Deus para fazer Sua obra de Redenção outra vez. Ferir a rocha, ou melhor dizendo, "ferir Seu Filho", quando na verdade isto já foi feito! Está na hora de operar em outro paradigma e falar com a autoridade que já recebemos.
Ferir a Rocha é diferente de Falar a Rocha. Assim como o povo estava testando Moisés, Deus também estava. Como ele reagiria ao desafio do povo, por causa da falta d'água?  
É interessante notar que o Senhor fala a Moisés para pegar o mesmo objeto (a vara) em suas mãos, mesmo que ele não usasse do mesmo modo que havia feito anteriormente.    

Pensamento Transformado 

1-     Avistar versus visão. Versículo 2. Você deve ver através da perspectiva de Deus, pela fé. João 3:3. 

2-     Onde você está versus onde quer estar. Versículos 3-5. Deus sempre nos pede para crer no impossível, mesmo estando num lugar difícil. 

3-     Encontrando Deus, que aumenta a nossa fé, para entrar no novo  paradigma. Versículo 6. 

4-     Abra mão de experiências passadas (a vara) para obedecer novas instruções de Deus, ainda não experimentadas. Versículos 7-8. 

5-     Não permitir que outras pessoas ou suas próprias emoções desqualifiquem você no momento que experimentar o novo paradigma das promessas de Deus. Versículos 10-11. 

6-     Falhar em permitir que Deus transforme nossos pensamentos, resulta na perda das promessas de Deus. Versículo 12. Josué e Caleb e os outros dez espias são um bom exemplo de pensamento transformado. 

Perguntas para pensar e responder: 
1. O que a vara representa para você? 
2. Qual era o novo paradigma no qual o Senhor estava tentando graduar Moisés?  
3. Qual foi a causa de Moisés tomar a decisão errada?  
4. Quais foram os resultados e como podemos relacionar isso ao que enfrentamos a cada dia?  
5. A decisão de Moisés resultou no evangelho de dois ou de quatro capítulos?  
6. Você já foi promovido a uma nova maneira de pensar, a um novo paradigma? 
7. O que está lhe impedindo de ir em frente, em direção a um novo paradigma de pensamento? 

Exemplos de pensamentos transformados: 1 - Gideão   2- Davi  3 - Pedro indo à casa de Cornélio


Wassalam Issá Akbar  
Josimar Salum 


http://jsalum.blogspot.com/  (Português) 

http://jsalum.podbean.com/  (Português) 

http://greaterrevival.blogspot.com/ (English) 

http://apologian.blogspot.com/ (Português)


Enviado do meu BlackBerry®

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gentileza não escrever em LETRA MAIÚSCULA. Por favor, respeite. Palavrões, ofensas e coisas do gênero não serão aceitos. Muito obrigado. Deus o abençoe.