sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

SOPA, não é caldo de galinha não. Ditadura na Net!



WASHINGTON - O líder da maioria no Senado dos Estados Unidos, o republicano Harry Reid, disse nesta sexta-feira, 20,  que adiou a votação, inicialmente marcada para a semana que vem, da Lei de Proteção à Propriedade Intelectual (Sopa, na sigla em inglês), controverso projeto que tem como objetivo reprimir a pirataria na internet.

"Tendo em vista o eventos recentes, eu decidi adiar a votação da Lei de Proteção à Propriedade Intelectual marcada, marcada para terça-feira", afirmou Reid em comunicado.

A decisão ocorre dois dias após a Wikipedia e o Google liderarem uma onda de protestos online contra o projeto de lei. As informações são da Dow Jones.


O Stop Online Piracy Act (SOPA) é um projeto de lei que é recheado de boas intenções: impedir a proliferação da pirataria e outros crimes contra propriedade intelectual.

Com sua aprovação, porém, o governo federal dos Estados Unidos poderá decretar que um site acusado de infringir copyright seja posto em uma lista negra de DNS e sistemas de busca (tornando-se inacessível, por assim dizer), e isso não é visto exatamente como algo saudável para a liberdade na internet — na verdade, é um tipo de fechamento comparado ao que existe na China.

Grupos como Mozilla, 4Chan, Reddit, Tumblr, Facebook, AOL, Wikimedia, ACLU, Twitter, Google, LinkedIn e Yahoo! já se manifestaram contrários à iniciativa.

Certas empresas, porém, ainda não se pronunciaram abertamente, mas têm algo bem chato depondo contra si. Adobe, Apple, Autodesk, AVEVA, AVG, Bentley Systems, CA, Cadence Design Systems, CNC Software, Compuware, Corel, Dassault, Dell, Intel, Intuit, Kaspersky, McAfee, Microsoft, Minitab, Progress Software, PTC, Quark, Quest, Rosetta Stone, Siemens, Sybase, Symantec, TechSmith e The MathWorks compõem a Business Software Alliance, um grupo que defende ativamente o SOPA. Daí, podemos dizer que todas estas 29 companhias apoiam e financiam, ainda que indiretamente, esse projeto de lei com potencial para restringir severamente a liberdade na internet.

Trazer esse fato à tona, como fez o The Next Web, pode levar muitos desses nomes a se pronunciarem e se posicionarem publicamente diante de seus clientes. É hora de falar abertamente.

Fonte: Estadão e Desenvolvimento de Sites



Twitter: http://twitter.com/andrermendonca
Facebook: http://www.facebook.com/andrermendonca
Blog Novo Tempo: http://novotempoagora.blogspot.com/

BRASÍLIA, CAPITAL DA ADORAÇÃO - BRASIL, TERRA DO AVIVAMENTO
TERRA DA ADORAÇÃO AO ÚNICO SENHOR, JESUS CRISTO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gentileza não escrever em LETRA MAIÚSCULA. Por favor, respeite. Palavrões, ofensas e coisas do gênero não serão aceitos. Muito obrigado. Deus o abençoe.